Pular para o conteúdo principal

Zum Part. Veezy - Single "Aquela Rosa"


Zum lança Aquela Rosa, single que aborda seu momento romântico.
Quem acompanha o trabalho do mc pernambucano Zum, sabe que suas maiores temáticas são as composições líricas, de grande contundência quando o assunto é o lado social e muitas vezes espiritual. Pois é, dessa vez o metropolitano de Recife, trouxe algo novo e inédito. Trata-se de: “Aquela Rosa”, música romântica, com versos que fazem valer o tema abordado.
O single conta com a participação especial de Victor Valença Buechi aka Veezy recentemente chegado da Asia, porém Brasileiro, naturalizado Pernambucano envolvido com musicas de RnB e Rap. Era componente do grupo Dope Boy 852 onde lançaram dois cds, mas agora o músico está fazendo carreira solo. Masterização e mixagem por JJ Slim, produtor Recifense. Ouça na íntegra: Zum-oficial – Aquela-rosa-part-veezy

Postagens mais visitadas deste blog

DowRaiz - Antibióticos de Rua (ÁLBUM COMPLETO)

Acesse o site oficial: www.raplongavida.com | Você se interessa em distribuir sua música nas principais lojas digitais? Itunes, Vevo, Deezer, Spotify, Apple Music, Google Play, Tidal entre outros, à preço justo, 0 burocracia, 100% dos direitos autorais! Entre em contato com (auxemusic@gmail.com) e/ou auxemusic.com | Whatsapp: 55 51 981400832Aux Emusic - Sua música nas principais plataformas digitais.

Parteum explica conceito de Cortexiphan

#Cortexiphan
Parteum volta a lançar material inédito, dessa vez, uma série de micro-mixtapes Após o EP “A Autoridade da Razão”Parteum volta a lançar material inédito, dessa vez retomando o formato mixtape. A diferença é que você não encontrará diversos beats e rimas como em Magus Operandi, e sim tudo condensado em uma única faixa para chamar de micro-mixtape. A primeira que abriu a série, Cortexiphan, foi lançada nesta quinta (12/05) e, aproveitando, conversamos comParteum para entender o contexto do primeiro som. Cortexiphan #01 by Parteum Per Raps: Afinal, o que é #Cortexiphan?
Parteum: Sou meio viciado em seriados de ficção científica. Fringe, por acaso, é o que tenho assistido com mais frequência. Um dos personagens principais, Walter Bishop, é fã de Rock Progressivo e guloseimas coloridas. Traçando um paralelo bobo entre a droga sintética que possibilita atravessar universos (que Sr. Bishop criou) e a música, pensei nessa ligação que cada ser tem com seus vícios. A possibilidade de fa…

yrmandade Catraia - DOWNLOAD